O melhor do carnaval de BH 2017

por Aline Resende

Eu sei que estou um pouco atrasada, mas espero que ainda dê tempo de dizer que andei errado e eu entendo  , entretanto, todavia, mas, porém (tô engraçadinha e musical hoje, hein)  ainda está em tempo de mostrar o que teve de mais lindo no carnaval de rua da minha beagá.

Gente, foi lindo demais!!! Em vários momentos eu fiquei super emocionada. As ruas foram tomadas por cores, fantasias, alegria, música e os blocos estavam muito politizados, carregando bandeiras de lutas sociais, de inclusão, campanhas contra assédio e machismo, entre outras pautas tão importantes que foram muito bem difundidas. Foi o carnaval do brilho e do amor!

 DSC_1331-Editar-2

 

DSC_1333-Editar

 

DSC_1347

 

DSC_1351

 

DSC_1358

 

DSC_1373-Editar

 

DSC_1376

 

DSC_1381-Editar

 

DSC_1383-Editar

 

então-brilha

Então Brilha!

Fotos: Aline Resende

 

Agora vamos as fantasias:

carnaval

Barbara Dufer foi o corvo negro mais lindo que já vi na vida!

 

brilha

Carol, nossa colunista, brilhando mais que o sol no…advinha? Então Brilha!

 

então-brilha

Mayra Decicino de rosa e dourado – cores também do Então Brilha

 

unicornio

Lí, nossa colunista, de unicórnio Dark

 

Paulinha

Paulinha abacaxi e seu super homem

 

Agora, vamos as minhas:

carnaval

Uniformizada de rosa e dourado pro Então Brilha

 

então-brilha

close no brilho

Frida-kahlo

Frida Kahlo pro Bloco Cortejo do Abacaxi

 

jazz

jazz mood pro Bloco Magnólia

 

Jazz II (1)

 

Surviver

Survivers  pro Bloco Garotas Solteiras, que aliás, tem como hino inicial “I will survive”

 

marinheira

Marinheira pro Bloco Camarim

 

Marinheira

 

A gente tá melhorando a cada ano, hein? Como é bom brincar de carnaval! Foi um brilho só!!

Até ano que vem, foliões!

Coluna da Carol – Vida (c) alma

por Carol Rocha

 

praia

 

Eu sei, eu me decepcionei. O final de 2016 não foi como o esperado e eu já aceitei isso. Foi muito mais confuso e até um pouco desesperador. Mas já foi, sobrevivi e vida que segue. Quando você aceita o que dá conta e concretiza somente o possível, fica mais fácil reconhecer o que não deu, mas que ainda dá tempo de acontecer. Só depende de mim.

Agora 2017 já chegou, minhas mini férias aconteceram (nada como o mar para curar os males do corpo e da alma), já estou de volta à rotina e com as energias renovadas. Pronta para navegar em novos mares e encarar os já conhecidos. Não fiz grandes promessas para este novo ano, até porque sempre que as faço me frustro por não conseguir cumpri-las. Talvez por muitas vezes se confundirem com sonhos e sonhos requerem mais tempo e planejamento para saírem do papel. Acontece.

Decidi então, que ao invés de metas, vou me comprometer em realizar, das pequenas às grandes coisas, de acordar cedo até fazer um curso PHODA. Isso vai exigir disciplina, mas tudo bem, afinal de contas é isso que anda faltando na minha vida. Disciplina. Chega até a dar frio na barriga quando eu ouço esta palavra. Vou ter que me adaptar de tantas formas que, se eu parar para analisar, desanimo. Só que este é um status que eu não posso me permitir mais. Tenho e quero muitas coisas. Portanto, a minha única alternativa é de fato, realizar. Essa foi a minha escolha e ando muito orgulhosa dela. Minha listinha este ano não será previamente determinada, ela será montada ao longo dele com o que eu consegui concluir. Melhor assim, né?

Ainda preciso resolver algumas pendências do ano que se passou, mas logo mais volto pra contar como ando nesta nova fase. Não vai ser fácil, mas 2017 promete e já não vejo a hora de aproveitá-lo! Seja-bem vindo!

praia

Chove chuva

por Aline Resende

Temporada de chuvas em várias partes do país e a gente fica num desanimo danado de colocar os pezinhos para fora de casa, né? Mas não tem problema não, montei essa galeria com ideias de looks para enfrentar a chuvinha com diversão e criatividade. Vamos?

galochas

Via Pinterest

 

Galochas-chuva

Via Pinterest

 

Galochas

Via Pinterest

 

chuva-look

Via Rioetc

 

galochas-hunter

Via Futilish

 

galochas

Via Pinterest

 

galochas

Via Pinterest

 

look-para-chuva

Via Pinterest

 

Hunter-boots

Via Pinterest

 

look

Via le blog le betty

 

Via Luisa Accorsi

Via Luisa Accorsi

 

Bônus: Look meu com as galochas Hunter que eu tanto amo:

DSC_3098

 

DSC_3086

Segura na galocha e vai! : )

10 pensamentos para subir o astral do final de semana

por Aline Resende

Final de semana chegando, tudo que a gente quer é tirar o peso que a semana trouxe e curtir a leveza de um merecido descanso. Ou uma boa farra. Ou uma farra de leve. Pode escolher.

Então, independente da escolha, vamos encher nosso coração de coisas boas? Vem:

pensamentos

pensamentos

pensamentos

pensamentos

pensamentos

pensamentos

pensamentos

Você não sabe o quão adorável você é

pensamentos

pensamentos

Felicidade é estar entre amigos

E para fechar nossa galeria, vê pra gente mais um dia entre o sábado e o domingo, pfv!

pensamentos

Eu realmente preciso de um dia entre o sábado e o domingo

A kundalini Yoga

por Aline Resende

Yoga

 

Há 3 meses eu comecei a praticar 1 vez por semana a Kundalini Yoga, e tem me feito tão bem que fiz uma pesquisa para montar esse post e falar sobre essa prática:

“A Kundalini Yoga é uma ciência milenar sobre a arte de lidar com a expansão da consciência, acordando e fazendo subir a ENERGIA KUNDALINI pelo canal da espinha vertebral, atravessando e ativando os centros de energia denominados de chakras. Essa realização é feita misturando e unindo PRANA (energia cósmica) com APANA (energia de eliminação) gerando assim uma pressão que força a subida da kundalini através da coluna utilizando-se PRANAYAMAS (exercícios respiratórios), BHANDAS (contrações corporais), KRYIAS (jogos completos de exercícios) e utilizando-se ASANAS (posturas), MUDRAS (gesticulação com mãos, dedos ou braços) e MANTRAS (palavras cantadas).

kundalini

Esse conhecimento foi um segredo muito bem guardado, entregue pelo Guru a estudantes selecionados durante centenas de anos. De acordo com as escrituras yóguicas esta antiqüíssima ciência tem 7 mil anos. Os ensinamentos foram dados a conhecer somente aos iniciados em templos e monastérios da Índia, Nepal e Tibet. A Kundalini Yoga tem relação muito próxima ao Tantra, que também faz subir a energia Kundalini. Graças a Yogi Bhajan esse conhecimento foi tornado público para o ocidente.

Através da prática da Kundalini Yoga o ser humano pode unir sua consciência cotidiana à sua consciência superior, ou cósmica, de forma regular ou diária, praticando cuidadosamente uma seqüência de exercícios e meditações combinadas. Logo o estudante praticante percebe o movimento da energia dentro de si e ao redor do seu corpo e assim conscientemente, começa a direcionar esse fluxo energético para estimular e acordar os chakras.

Kundalini Yoga

A Kundalini Yoga é denominada Yoga da Consciência, suas práticas são dinâmicas, energizantes e objetivas. Fortalece, alonga, relaxa a musculatura e todo metabolismo. Aumenta a capacidade respiratória e o nível de vitalidade física e psíquica. Estimula a harmonia dos sistemas nervoso e glandular, sincronizando-os com a rede de meridianos, chakras e corpos energéticos. Propõe ainda um profundo mergulho na Meditação.”   Via kundalineyoga.com.br

kundalini

Como eu disse, eu faço a Kundalini Yoga 1 vez por semana, e além dela, pratico corrida e caminhada 4 vezes na semana. Eu conheci a Kundalini através da minha mãe, comecei a fazer as aulas e tenho tido resultados ótimos. Eu sempre saio da aula com o corpo e a mente em harmonia e energia renovada. Eu tenho tido mais consciência corporal e isso tem resultado numa melhora considerável da minha postura. As aulas são extremamente prazerosas, intercalam práticas de meditação com mantras cantados e posições de Yoga que além de trabalharem o corpo, trabalham mente e respiração.

Os instrutores convidam os praticantes a usarem vestimentas na cor branca e turbante na cabeça para ajudar ainda mais na passagem de energia e conexão com nossa consciente superior.

Eu faço minhas aulas com a Valéria no Centro de Kundalini Yoga Har Rai, em Belo Horizonte e recomendo DEMAIS. Se você se interessou pela prática e não é de BH, faça uma pequisa rápida no google e, provavelmente você saberá se existe algum centro na sua cidade.

Sat Nam!

Yoga

 Fotos: Reprodução